Comidas Típicas do Ramadan

Doce emirati do Ramadan - Lgeimat

Nem tudo é sacrifício e abstenção de comida e bebida no Ramadan. Existe o lado delicioso do mês sagrado islâmico que são os quitutes feitos somente nessa época, formando o que poderíamos chamar de carnaval gastronômico no horário permitido, é claro.

O Ramadan é o mês do Jejum Islâmico, ou seja, se abster de comida, bebida e, até de um simples copo d’água, durante o dia entre o nascer e o pôr do sol. Certamente não é uma tarefa nada fácil pois requer muita paciência, disciplina e comprometimento. E é exatamente este o espírito do mês sagrado. O muçulmano deve aprender a lidar e controlar os seus desejos e vontades. Na verdade, esse período acaba preparando o islâmico a enfrentar os desafios da vida, a ter tolerância e controle emocional na busca dos seus objetivos. Assim como a vida é !

Conheça agora alguns pratos doces e um salgado, que compõem esse festival de comidas árabes.

– Kunafa كنافة

Kinafa Doce árabe do Ramadan

Doce feito em bandeja com queijo, farinha de semolina e aletria (cabelinho de anjo) enfeitado de pistache e regado por uma calda doce feita com água de rosas.

Dizem que a Kunafa foi criada no Egito na época dos Khalifas Fatímidas, coisa de umas centenas de anos atrás. Agradou tanto que logo ficou famoso na gastronomia dos países vizinhos como a Palestina, Líbano e Síria. Com tanto sucesso virou a “rainha dos doces” do Ramadan no mundo árabe.

– Qataif قطايف

Kataif enrolado e fritosÉ um outro doce dos Khalifas, dos tempos da Andalusia. Uma maravilha super popular parecida com uma panqueca, só que mais esponjosa e fofa. Ele pode ser servido de várias formas: cru, sendo a massa só com o Qatr que é a calda doce com água de rosas, ou recheado com creme e queijo ou nozes. Eles também podem ser fritos.

Podemos dizer que esse é o prato de maior sucesso entre os que jejuam e os que não fazem o jejum. Aqui em Dubai é a moda do Ramadan e por isso achamos em qualquer canto. Todas as lojas de doces árabes dão um lugar de destaque para o Qataif nas suas várias modalidades. Até os supermercados vendem pacotes prontinhos da massa crua com a calda num potinho a parte. Delícia pura!

Quer experimentar?? Veja a receita detalhada no link: www.arabiczeal.com.

Hareess هريس

HareessComida árabe salgada criada pelo Emirati beduíno. É feito com carne de carneiro e trigo, que misturados, cozinham por horas e horas até a carne ficar desfiada e tudo virar uma pastinha. Parece um pirão e é servido com uma manteiga especial por cima. Hummmmm!!!

Muitos podem não gostar do Hareess na primeira prova, mas depois de um tempo acaba virando uma paixão. O prato é um orgulho nacional do povo emarati.

Lgeimat لقيمات

Doce emirati do Ramadan - LgeimatDoce tipicamente Emirati parecido com o nosso bolinho de chuva brasileiro. São bolinhos de massa fritos e servidos com o melaço de tâmaras.

Este doce é considerado um outro orgulho nos Emirados. Tanto que, em quase todas as ocasiões de celebração públicas, encontramos mulheres vestidas com suas roupas típicas preparando o lgeimat na hora, prontos para serem degustados.

Aprenda, no video abaixo, a fazer esse doce com a estudante emirate Shaikha Al Ali, famosa por seu canal de culinária árabe onde ela posta como fazer alguns pratos locais: http://www.youtube.com/DoceLgeimat

Ao contrário do que muitos pensam, algumas pessoas engordam durante o jejum devido a comilança do Ramadan que rola à noite a partir da hora do Iftar (principal refeição do dia ao pôr-do-sol). E agora, ficou com vontade de provar essas comidas árabes?  

Categorias: Islam Gastronomia Árabe Curiosidades Ramadan

Leave a Comment

  • + 55 41 3057 9700
  • + 55 41 9289 9007